quarta-feira, 4 de janeiro de 2017

Galeria dos Mártires - José Patrício León "Pato"

JOSÉ PATRÍCIO LEÓN, “PATO”
Desaparecido
CHILE * 04/01/1975

José Patrício León, militante cristão chileno. Filho de camponeses, nasceu em Talca e, naquela diocese, iniciou sua militância na Juventude Estudantil Católica (JEC) até chegar ao cargo de dirigente a nível internacional, motivo pelo qual mudou-se para o Uruguai, onde funcionava o Secretariado Latino-americano.

Foi aí que José Patrício adquiriu uma consciência crítica da realidade latino-americana e compreendeu o compromisso político que lhe era exigido pela própria fé.

Em 1969 regressou ao Chile e, em 1970 integrou-se no Movimento de Esquerda Revolucionária (MIR).

Mesmo assim permaneceu membro das comunidades cristãs de base e dirigente da Paróquia Universitária. Era professor no Colégio dos Sagrados Corações de Alameda quando, depois de receber o salário, desapareceu, nada mais se sabe a seu respeito.

Sua esposa e o filho pequeno foram obrigados a exilar-se.

Texto elaborado por Tonny, da Irmandade dos Mártires da Caminhada,
a partir do livro: Sangue Pelo Povo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário