quarta-feira, 4 de novembro de 2015

Galeria dos Mártires - Araceli Romo Álvares e Pablo Vergara Toledo

ARACELI ROMO ÁLVAREZ e PABLO VERGARA TOLEDO
Cristãos, Mártires da Resistência
CHILE * 05/11/1988

Aracely Romo e Pablo Vergara presente sempre !!!!!!

Memória dos 27 anos do martírio.

Araceli Romo e Pablo Vergara, exemplos de Luta Revolucionária!

Em 5 de novembro de 1988, em torno de 21:00 hrs, no Cerro Mariposa, foram mortos Araceli Romo e Pablo Vergara, membros do Movimiento de Izquierda Revolucionaria MIR. 

A versão oficial é que eles havia estalado explosivo para estourar por manuseio inadequado, mas nunca investigou se isso era verdade. 

Mas todos os parentes e amigos estão convencidos que forma assassinados mesmo. 

Quem eram Araceli Romo e Pablo Vergara?

Araceli Romo Alvarez, nascido em Santiago em 13 de março de 1963. Em 1976 ela conheceu Pablo Vergara em um acampamento de verão do Sul Vicariato. Ela foi líder de grupos de jovens no setor Caro Ochagavía, onde assumiu um compromisso claro contra a ditadura militar. Em 1981, nasce sua única filha, Marcela. No ano 1984, teve que se exilar na Argentina, depois retorna ilegalmente ao Chile para assumir um compromisso militante. É assassinada no Cerro Mariposa em 1988.

Pablo Orlando Vergara Toledo, nasceu em 7 de setembro de 1963. Desde muito jovem trabalhou em organizações de juventude e população da Estação Central. 

Inicia os estudos de arquitetura na Universidade de Chile, logo depois desiste: "como posso estar tranquilo estudando, cercado por modelos, quando há tantos problemas na cidade, quando o meu povo sendo perseguidos e massacrados...". Em 1985 seus irmãos Eduardo e Rafael, 20 e 18,  foram assassinados pela polícia. No mesmo ano Pablo parte para o exílio. Clandestinamente retorna ao Chile e morre assassinado em Cerro Mariposa em 1988. 

Texto elaborado por Tonny, da Irmandade dos Mártires da Caminhada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário