quinta-feira, 9 de maio de 2013

Galeria dos Mártires - Pe. Josimo Morais Tavares, Comissão Pastoral da Terra

PE. JOSIMO MORAIS TAVARES

Comissão Pastoral da Terra
BICO DO PAPAGAIO – TO * 10/05/1986

                Pobre entre os pobres lavradores do Bico do Papagaio, viveu seu sacerdócio numa entrega total ao povo, na luta pela terra e na promoção da consciência e da organização. Manso e persistente, poeta e militante, sua paixão era a Justiça: “Por justiça clamamos”; “esta terra pede justiça”, escrevia. Sabia-se ameaçado de morte, mas afirmava com decisão: “É hora de assumir. 

      “Pois é gente, eu quero que vocês entendam que o que vem acontecendo não é fruto de nenhuma ideologia ou facção teológica, e nem por mim mesmo, ou seja, pela minha personalidade...
        É por ter assumido esta linha de trabalho Pastoral que pela força do Evangelho me levou a comprometer-me nesta causa a favor dos pobres, dos oprimidos e injustiçados....
        Tenho que assumir. Agora estou empenhado na luta pela causa dos pobres lavradores indefesos, povo oprimido nas garras dos latifúndios. Se eu me calar, quem os defenderá? Quem lutará a seu favor?...
        Nem o medo me detém. É a hora de assumir. Morro por uma justa causa. Agora quero que vocês entendam o seguinte: Tudo isto que está acontecendo é uma conseqüência lógica resultante do meu trabalho, na luta pelos pobres, em prol do evangelho que me levou a assumir até as últimas conseqüências...
                Os grandes e poderosos nunca exterminarão a vida dos pobres. Os pobres vive e viverão para sempre. Da nossa luta sai a Vida Nova, surge o Mundo Novo, uma nova terra, a justiça”.


Era seu testamento martirial. Foi assassinado pelo latifúndio, na escada da sede da CPT, em Imperatriz, MA. Naqueles dias Josimo ia ser eleito coordenador regional da CPT Araguaia/Tocantins.

Nenhum comentário:

Postar um comentário